Gordinho é uma coisa né? Suplementei cromo, quase não tenho vontade de doce mais, mas quando vejo um neguinho, ai meu Deus! Quem resiste a brigadeiro, bom sujeito não é. Não pode ser. Brigadeiro é amor!

Sou fã, sempre fui e estava com muita vontade. Mas tinha que ser brigadeiro com gosto de brigadeiro mesmo. Esse negócio de brigadeiro com gosto de fruta e legume não estava me deixando muito satisfeita. E quanto a gente tem vontade de alguma coisa, tem que ser ela e pronto. E eis que encontrei no Menu Vegano uma receita muito da boa de brigadeiro de festa, sem lactose, feito com leite de amendoim.

E amendoim da leite? Sim, sempre que  você quiser, e é mais barato que leite condensado,  normal ou de soja. (IMPORTANTE: o processo de fazer o leite é mais demorado, porque ele tem que ficar de molho por pelo menos 8 horas). E já aviso, esse aqui não tem nada de fit, tem várias calorias porque vai uma galera de açúcar. Mas pra quem ainda não tinha jacado violentamente até agora, me permiti esse negrinho gostoso – com moderação.

Chega de blá blá blá. Vamos para a receita.

Ingredientes:

– 1/2 xícara de amendoim
– 2 xícaras de água
– 2 a 3 colheres de sopa de  cacau em pó (usei o Dois Frades, da Nestlé, que é 50% cacau, foram 2 colheres)
– 6 colheres de açúcar (usei o demerara)
– 1 pitada de sal
– 1 colher de café de essência de baunilha (opcional – eu não usei)

Para fazer o leite de amendoim: De um dia para o outro (tem que ser pelo menos 8h), deixe o amendoim de molho. Passado esse tempo, jogue a água fora, lave o amendoim e leve para uma panela. Cubra com água (o suficiente para cobrir só), e dixe ferver por 2 minutinhos (Esse processo é importante, se não o leite fica amargo e não queremos isso!).

Agora bata no liquidificador com 2 xícaras de água e coe (guarde os resíduos, eles podem ser aproveitados em outras receitas). Seu leite está pronto!

O brigadeiro: Coloque o leite com o restante dos ingredientes na panela (cacau, açúcar e sal) e mexa antes de acender o fogo. Quando estiver bem misturadinho (tenha paciência porque o cacau é chatinho mesmo), aí sim, é hora do fogo. E fogo baixo durante todo o processo, mexendo sem parar.

Aqui também precisa paciência porque o ponto dele demora muito mais pra pegar do que o do brigadeiro convencional, é claro. Toda a água que foi acrescentada precisa evaporar para então ele começar a engrossar. Mas gente, não desista! Vale MUITO a pena, a receita fica deliciosa de verdade.

Mexa sempre, até ele começar a desgrudar da panela. Mexa por mais uns 10 minutos e está pronto. Espere esfriar e pode comer de colher ou enrolar se preferir. Eu fiz os dois! hihihi

brigadeiro de amendoim

A massa fica linda, brilhosona e bem consistente. E o gosto, não dá pra explicar. É muito, muito, muito gostoso! E fácil de enrolar. Agora, enjoy o seu brigadeiro de festa sem lactose, vegano e super delícia!

[ATUALIZANDO]

22/09 – Fiz o brigadeiro novamente, usando o Tal&Qual. Ficou comível, mas não gostei. Fica aquele gostinho de adoçante, meio amargo, meio estranho, e ficou bem mais molinho. Se você não se importa com o gostinho, já pode ficar feliz – tem uma opção menos calórica. :)